Resenhas, artigos e contos

Resenhas, artigos e contos

Campanha de Incentivo à Leitura

O blog Cultura Pop à Rigor indicou o Gole Nerd numa corrente muito bacana chamada "campanha de incentivo à leitura". Desde o início do blog, meu objetivo aqui sempre foi aproximar minhas facetas de leitor, escritor, otaku e gamer em um único espaço, mas é minha parte como leitor é a que mais se sobressai. Por isso, entrarei com muito gosto nessa brincadeira. 



Antes de tudo, há algumas regras para participar:

1) Indicar 10 blogs para participar da campanha.
2) Avisar aos blogs indicados.
3) Colocar a imagem do blog para apoiar a campanha (o selinho que está acima)
4) Responder à pergunta: "Qual livro indicaria para alguém começar a ler", indicando, no mínimo, um livro. 

Os blogs que irão entrar na roda são:

Alternativos&Independentes
Instinto de Ler
Joe de Lima 
Bar Toca dos Gatos
BrendaeMylena


Irei partir do pressuposto de que os leitores deste blog não são realmente leitores - apesar de achar difícil, pois publico tanta coisa envolvendo literatura. Quando digo leitores, refiro-me às pessoas que tomaram o gosto habitual pela leitura, que procuram ler sobre os mais variados assuntos. Portanto, se você lê muito pouco ou infelizmente não lê nada, aqui ficam algumas dicas de leitura.

Os quadrinhos são ponto de partida ideal para quem ainda não tem o costume de pegar textos mais longos que exigem um tempo maior de absorção de conteúdo. Sua linguagem é mais acessível pelos diálogos menos literários, próximos ao coloquial, e também pelas imagens sequenciais, já que vivemos numa época de profuso estímulo visual. E como sou um leitor de mangás...


Narrativa fluida e divertida, mistura humor e ação de um jeito que poucos mangás conseguiram. Até hoje Akira Toriyama é enveredado por mangakás recentes, até mesmo por Eiichiro Oda, atualmente criador do mangá de maior núnero de vendas, One Piece.


Para quem curte um romance policial com um pé na fantasia e uma narrativa frenética daquelas que sofremos falta de ar a cada ponto de virada, Death Note é uma ótima opção. Conta a história de um estudante universitário que encontra um caderno capaz de matar as pessoas cujos nomes estiverem escritos nele. O protagonista, Light Yagami, usa o caderno para matar todos os criminosos e planeja criar um mundo de paz. Porém, ele estará no rastro de um dos detetives mais icônicos do mangá, L.


Calma, ainda não chegaremos nos romances. Primeiro passaremos a uma narrativa literária menor para o leitor sentir de uma única vez toda a força da prosa literária (acredito que os contos sejam literariamente mais densos que os romances por concentrarem forma e enredo num texto menor). Se você gosta de histórias sombrias, daquelas que irão mexer psicologicamente com você, Histórias Extraordinárias, de Edgar Allan Poe, é uma antologia de contos recomendada e renomada.


Se você quer  sentir a Fantasia em seu estado mais puro e sonhador, você precisa entrar dentro do guarda-roupa. Ou então coloque um anel estranho feito por um tio biruta. As Crônicas de Nárnia é uma das mais fantásticas, literalmente falando, obras infanto-juvenis já escritas. Não se assuste com o tamanho do livro, pois ele é a composição de sete romances mais curtos que também podem ser lidos separadamente, embora tenha uma ordem cronológica correta entre eles.



Ainda no patamar da fantasia, uma grata surpresa que tive nos últimos anos foi a leitura da trilogia Dragões de Éter. Causou-me tantos suspiros quanto a obra de C.S. Lewis, mas possui referências à cultura pop que podem tocar o leitor de hoje de uma maneira única.


E se as pessoas parassem de ler e o Estado nos controlasse a seu bel-prazer (não que esta última possibilidade não esteja acontecendo hoje)? Esse é o contexto do livro Fahrenheit 451, um romance metalinguístico cuja temática é a importância dos livros em nossa vida.


Em que mundo você está se não conhece Sherlock Holmes, né? Eu indiquei O Cão dos Baskervilles, mas qualquer um dos quatro romances são boas histórias.

Por último, não é um livro e sim um site. Meu gosto pela leitura desenvolveu-se inicialmente através dos sites de fanfics, então é possível que um leitor também seja pré-formado por meio da leitura de (boas) fanfics. 


Claro, eu poderia indicar muitos outros livros que despertariam fácil interesse num leitor iniciante, mas deixarei que ele mesmo continue caminhando por conta própria.